- Um comentário

Esta é a realidade das obras do Loteamento Santa Ana

Aquele que nunca desligou a televisão quando a propaganda eleitoral começou que atire a primeira pedra. A verdade é que isso é bem comum, e compreensível também. Quando assistimos tais propagandas, percebemos que tentaram nos vender uma imagem distorcida da realidade e que tem por objetivo nos fazer acreditar que tudo está na mais perfeita ordem. E, geralmente, a coisa não é bem assim. 

Infelizmente isto tem acontecido em nossa cidade. No dia 1º de junho foi noticiado que estão acontecendo as obras de calçamento da rua da nova Unidade Básica de Saúde (por que não foi inaugurada ainda?). Estivemos conferindo e os moradores nos informaram que a obra está parada a cerca de um mês e meio

Hoje, 09 de junho de 2016, estivemos novamente lá e constatamos que a obra continua parada. Outra questão que foi observada é que a obra nem mesmo foi concluída e já apresenta buracos. Teria sido mal feita? Cabe à população questionar e julgar. 

Obviamente o calçamento da rua em si é benéfico. Mas cabe outra questão aqui. Por que as obras na nossa cidade não avançam? Por que, geralmente, as obras são abandonadas na metade ou, quando são concluídas, são abandonadas e a inauguração não é realizada? Perceba que enquanto algo não é inaugurado e entregue à população, de nada serve além de ser destaque em propaganda política. 

Nós, moradores de Buenos Aires, sabemos da precariedade do Loteamento Santa Ana. Lá as coisas tendem a demorar mais do que na maioria dos locais da cidade. Todas as ruas, com exceção desta que está com as obras paradas, não têm calçamento. Isso sem mencionar a falta de saneamento que já foi publicada aqui no Buenos em Foco. Abaixo você poderá conferir as imagens que foram registradas hoje: 








Um comentário:

  1. Moro no Rio de janeiro Mais sou dai de Buenos Aires, acompanho todos os dias os noticiários da minha cidade e mato a saudade.
    Abraços e continue denunciando o que tá errado e parabenizando o correto. Deus abençoe.

    ResponderExcluir

Conte-nos o que acho disso!