- Nenhum comentário

Em audiência, autoridades reafirmam importância da agência do Banco do Brasil de Buenos Aires

Imagens: Lafaety Andrade
Foi realizada nesta quinta-feira (23), na Câmara Municipal de Buenos Aires, uma audiência pública com o objetivo de unir forças políticas e conscientizar a população presente referente à necessidade da retomada dos serviços da agência do Banco do Brasil do município. 

A suspensão por tempo indeterminado de serviços como saques, depósitos e transferências foi anunciada no dia 31 de outubro e pegou de surpresa todos os correntistas e até mesmo funcionários da agência.

Desde então, o Sindicato dos Bancários de Pernambuco juntamente com autoridades políticas, a exemplo do prefeito Fabinho Queiroz, do vereador Gyan Karlos, presidente da casa legislativa, e do deputado estadual Henrique Queiroz, têm movido esforços para tentar buscar soluções. A audiência desta quinta, bem como um abaixo-assinado com mais de três mil assinaturas, fazem parte dessas ações.

O secretário de assuntos jurídicos do sindicato, João Rufino, disse que o encerramento de parte dos serviços da agência prejudica o desenvolvimento do município. Rufino esclareceu que não há possibilidade da agência ter sido transformada em posto de atendimento por questões de segurança, pois as agências são dotadas de mecanismos suficientes para dificultar e até mesmo impossibilitar ações criminosas. O secretário atribui a decisão a uma tentativa de privatização de instituições como o Banco do Brasil e a Caixa. 


O vereador Gyan Karlos informou que procurou o Banco do Brasil para que fossem prestados esclarecimentos à população e que não recebeu qualquer satisfação. Convidados a participar da audiência, funcionários informaram que receberam orientações para não comparecerem. 

0 comentários:

Postar um comentário

Conte-nos o que achou disso!